Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Poli-USP realiza colação de grau dos formandos de 2017

Poli-USP realiza colação de grau dos formandos de 2017

Engenheiros formados no 2º semestre de 2017 e semestres anteriores participaram de cerimônias oficiais ao longo do dia 7 de fevereiro

FOTOS DO EVENTO

A Escola Politécnica da Universidade de São Paulo entregou à sociedade cerca de 529 novos engenheiros formados em seus cursos na quarta-feira, dia 7 de fevereiro de 2018. Ao longo do dia, foram realizadas seis cerimônias oficiais, para que os novos engenheiros das 17 especialidades oferecidas pela Escola pudessem colar grau perante seus familiares, amigos e a comunidade politécnica, composta por professores, alunos e funcionários.

O diretor da Poli, professor José Roberto Castilho Piqueira, iniciou a saudação da primeira cerimônia, na qual colaram grau os Engenheiros Eletricistas, parabenizando a todos os formandos por conquistarem o direito de exercerem a profissão. O docente destacou a importância do professor Luiz de Queiroz Orsini, falecido em 22 de janeiro. “Ele é o pai da Engenharia Elétrica brasileira. Formado na Poli em 1946, fez seu Doutorado pela Universidade de Paris-Sorbonne em 1949, e a partir daí estruturou o curso de Engenharia Elétrica da Escola com os seus livros sobre eletromagnetismo, circuitos elétricos, eletrônica”. Piqueira ressaltou a importância de Orsini na formação dos professores da área na Poli. “Não há curso de Engenharia Elétrica no Brasil que não tenha influência direta ou indireta do doutor Orsini. Vocês não só representarão o legado da Escola Politécnica, depois de assinarem o livro, vocês representarão o legado do doutor Luiz de Queiroz Orsini para a Engenharia Brasileira”.

O Diretor pontuou, em sua fala, a importância do trabalho dos funcionários para a infraestrutura da Escola, e pediu que o funcionário Edvaldo Oliveira, como forma de homenagem, compusesse a mesa e participasse das solenidades.

Como funciona a Colação de Grau da Poli-USP

Após a abertura da solenidade - na qual o diretor da Escola, o funcionário assistente técnico acadêmico, e dois representantes dos pais de alunos compõem a mesa e todos ouvem o hino nacional - o formando primeiramente assina o termo de colação de grau. “No momento em que vocês assinarem, vocês serão engenheiros. A sociedade os reconhecerá como engenheiros, e vocês poderão exercer a profissão em todo território nacional”. Depois o novo engenheiro recebe o Pin com o logo da Escola, um broche pequeno com o nome da Polie a imagem da Minerva, Deusa romana que representa a Engenharia. Por fim, os representantes dos pais entregam a documentação relativa à colação, que o politécnico poderá usar para obter os seus registros profissionais.

Última atualização em Sex, 09 de Fevereiro de 2018 13:15