Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Terceiro Café com Pesquisa abordou a revisão de artigos científicos

Terceiro Café com Pesquisa abordou a revisão de artigos científicos

A Escola Politécnica da USP recebeu, no dia 16 de maio, o III Café com Pesquisa, no prédio de Engenharia Elétrica. Organizado pela Comissão Coordenadora da Área de Concentração de Sistemas Digitais (CoAC-SD), pertence a uma série de eventos destinados a pós-graduandos e orientadores do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica. Nesta edição, o tema em questão foi “Revisão de artigos científicos”, com palestra ministrada pela professora Cíntia Borges Margi, pesquisadora da área de concentração Engenharia da Computação. O evento contou ainda com a presença dos professores Anna Helena Reali Costa e Antônio Mauro Saraiva, presidente da comissão de pesquisa.

Apesar de se objetivar o processo de revisão de artigos para que os presentes soubessem como avaliar e lidar com trabalhos acadêmicos alheios, a exposição também proporcionou a eles uma melhor visão sobre a produção dos próprios artigos, tendo em vista que são avaliados dessa mesma forma.

A professora atentou para o fato de que os revisores precisam de uma postura ética, que exige: objetividade, justiça, cumprimento de prazo, profissionalismo, confidencialidade, honestidade e cortesia. Foram abordados diversos pontos e etapas importantes da revisão de artigos científicos, sendo explicada a forma de avaliação.


Primeiramente, explicaram-se os propósitos da revisão e a adequação dos artigos ao meio de publicação, dois pontos intimamente ligados. Os artigos devem ser revisados para que se informe ao comitê de programa ou aos editores se este é adequado à publicação, levando em conta aspectos técnicos, possíveis falhas, formato e originalidade.

Posteriormente, a pauta baseou-se em que colocar na revisão e quais itens a compõem. Tal etapa da revisão dá conta daquilo que será escrito para que tanto os editores quanto autor do artigo leiam sobre a avaliação. Sendo assim, tal texto deve conter um resumo do artigo com as próprias palavras, para mostrar que o avaliador entendeu o foco do que se está revisando. Desenvolve-se a avaliação do conteúdo técnico, escrita e apresentação, e apontamento de possíveis erros de digitação ou escrita. E, por fim, há as conclusões da revisão, se o artigo será aceito ou não; recomendações de alterações necessárias; e comentários aos comitês ou editores, que não serão vistos pelos autores, em que o revisor expõe a pertinência de sua avaliação levando em conta seus estudos na área abordada.

A professora Cíntia Margi sugeriu, ainda, que revisar os próprios artigos é uma forma de praticar. Outra dica para melhorar o desempenho é ter o costume de ler trabalhos em Inglês para quando houver necessidade de publicar artigos internacionalmente. Ela ainda comentou que, como há muito trabalho a ser corrigido, os revisores têm tido menos paciência para corrigir questões de linguagem, então é preciso se atentar para esses detalhes antes de inscrever um trabalho. Para o professor Saraiva, pensar se o texto está bem encadeado é um dos aspectos mais importantes.

O próximo Café com Pesquisa será na segunda quinta-feira de junho (13). Ideias a serem adicionadas ao evento serão aceitas. Os organizadores esperam que se aproveitem as informações tratadas e que o evento ganhe maior dimensão.


Com informações de Bárbara D’Osualdo | Jornalismo Júnior (ECA - USP)