Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Poli-USP recebe mil alunos interessados na carreira de Engenharia

Poli-USP recebe mil alunos interessados na carreira de Engenharia

A Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) recebeu cerca de 1 mil alunos de escolas do ensino médio neste sábado (20/06), como atividade do programa “USP e as Profissões”, por meio do qual a instituição abre suas portas para apresentar seus cursos e sua infraestrutura, promovendo ainda a interação entre os visitantes, professores, funcionários e alunos. Atualmente, a Poli oferece, pela Fuvest, 870 vagas em 18 cursos de graduação em Engenharia.

Os alunos foram divididos em grupos e assistiram palestras de boas vindas simultâneas em três salas dos prédios da Engenharia de Produção e da Engenharia Civil. O diretor da Poli, professor José Roberto Castilho Piqueira, apresentou um histórico da formação na Politécnica. “Eu resolvi falar de tradição porque nossa modernidade é resultado de um trabalho que vem sendo consolidado ao longo de nossa história, marcada pela formação de inúmeros politécnicos que contribuíram para o progresso de São Paulo e do País”, destacou. “Esse é o momento no qual vocês devem escolher entre construir um futuro bom para vocês e seus semelhantes ou a mediocridade. Não escolham essa última, optem pelo trabalho, pelo conhecimento, por investir na melhoria do nosso País”, exortou Piqueira.

Os visitantes acompanharam também uma palestra do professor do Departamento de Engenharia Civil da Poli, Francisco Cardoso, que fez uma apresentação geral sobre a Poli aos estudantes e alguns pais que acompanharam os filhos. “Uma de nossas grandes preocupações é formar Engenheiros conectados à realidade brasileira, às questões sociais, ambientais, tecnológicas, e capazes de trabalhar em grupo porque o Engenheiro não trabalha sozinho. Formamos pessoas capazes de entender a sociedade na qual vão atuar e isso passa por se conectar e atuar com profissionais de outras formações”, disse. Ele destacou também as iniciativas no campo da internacionalização, como a dupla diplomação que a Poli oferece.

Em uma palestra muito divertida, na qual destacou o papel dos Engenheiros na criação de coisas novas e aperfeiçoamento do já existente, o professor Marcos Barretto, do Departamento de Engenharia Mecatrônica e Sistemas Robóticos, mostrou as carreiras dentro da Engenharia. Também falou sobre o mercado de trabalho para os Engenheiros, ressaltando a falta de profissionais da área hoje no Brasil e em vários outros países.

Por fim, dois alunos da Poli, Felipe Gazzola, do quarto ano do curso de Elétrica, e Thales Justo, do quinto ano de Mecatrônica, falaram sobre a vida na Poli. Mostraram, com muito humor, que, além da carga pesada de estudos e oportunidades de estágio, cursos extracurriculares e de encontro de trabalho, há várias outras atividades que promovem a interação e a amizade entre os estudantes.

Na sequência, os alunos visitaram laboratórios e estandes de algumas unidades da Poli, como o Laboratório de Tanque Numérico da Engenharia Naval e o Laboratório de Robótica, entre outros. Alunos da Poli mostraram protótipos de projetos desenvolvidos para aplicação dos conhecimentos em sala de aula, como o veículo que disputa a Fórmula SAE.