Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Poli-USP participa da Virada Científica da USP no sábado, 17 de outubro

Poli-USP participa da Virada Científica da USP no sábado, 17 de outubro

Evento da universidade pretende aproximar o universo da ciência e da tecnologia da sociedade paulista

Promovida pela Universidade de São Paulo (USP), em parceria com o Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, a segunda edição da Virada Científica da USP será realizada nos dias 17 e 18 de outubro de 2015. Na Escola Politécnica da USP, serão oferecidas atividades das 10h às 16h do sábado, dia 17. Quem quiser conhecer a Poli-USP, poderá visitar uma feira de projetos e os laboratórios. O coordenador do evento na Poli-USP, professor Gilberto Francisco Martha de Souza, explica que o foco é apresentar para o público em geral as atividades da universidade, e o que isso reverte em termos de produtos e benefícios para sociedade.

Organizada pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU), a Virada conta com a participação de diversas unidades da USP que promovem atividades relacionadas à sua especialidade, dentro dos campi da USP.O evento terá 24 horas de duração, com início na manhã de 17 de outubro. Serão realizadas centenas de atividades, entre oficinas, experimentos, shows, jogos, palestras, sessões de cinema e de planetário. Há atividades para todas as idades, e a entrada é franca.

Confira abaixo a lista de atividades que serão oferecidas. Todas as atividades são recomendadas para crianças, jovens e adultos. Outras informações pelo link.

http://www.viradacientifica.prceu.usp.br/2015/author/ep/?post_type=jetpack-portfolio

Feira de projetos (Não é necessário se inscrever)

  • Stand PQI (Departamento de Engenharia Química): plantão de dúvidas sobre engenharia química;
  • InovaLab: laboratório multidisciplinar que oferece recursos avançados para projetos de engenharia (software, hardware, impressoras 3D, oficina mecânica e eletrônica);
  • FEBRACE – Feira Brasileira de Ciências e Engenharia: movimento nacional de estímulo ao jovem cientista, todo ano realiza na USP uma grande mostra de projetos;
  • Lego: robótica educacional como motivador intelectual na educação de jovens e crianças;
  • aMuDi: grupo de arte e tecnologia, composto de alunos e ex-alunos e pessoas interessadas em desenvolver projetos artísticos e tecnológicos, que unam os dois meios);
  • ThundeRatz: uma das equipes de robótica da Escola Politécnica, que desenvolve mecanismos robóticos que são postos à prova contra outros robôs em competições nacionais e internacionais.

Professores envolvidos: Prof. Marcos Ribeiro Pereira Barretto, Prof. Aldo Tonso, Profª. Roseli de Deus Lopes, Prof. Edvaldo Simões da Fonseca Junior.

Visita aos laboratórios (É obrigatório fazer inscrição)

http://www.viradacientifica.prceu.usp.br/2015/portfolio/visita-a-laboratorios-da-poli/

  • Laboratórios da Engenharia de Computação: Demonstrações variadas de projetos de engenharia de computação como: robôs inteligentes com movimentação autônoma, digitalização 3D de ambientes, sistemas de visualização e definição ultra-alta e interfaces com gestos e imersão 3D.
  • Laboratório de robótica: o laboratório de robótica do Departamento de Engenharia Mecatronica e de Sistemas Mecânicos faz parte de um conjunto de laboratórios que são utilizados para apoiar o curso de graduação de engenharia mecatrônica. Dentro desse laboratório alunos desenvolvem atividades relacionadas à programação de um robô industrial em operação. Também estarão expostos vários robôs móveis que, correntemente, são objeto de investigação científica, por grupos de pesquisa do departamento.
  • Tanque de provas numérico: Simulador de manobras, tanque de provas e sala de projeção. O Tanque de Provas Numérico é um laboratório composto por um simulador em que o ambiente da ponte de comando do navio é reproduzido, podendo simular diversos tipos de navios, portos e condições ambientais. Além disso, há um tanque de provas capaz de gerar ondas de alta acurácia em escala reduzida, no qual os modelos de navios e plataformas são testados e avaliados.
  • Caverna digital: a caverna digital USP faz parte do laboratório de Realidade Virtual e Aumentada e conta com equipamentos de última geração em realidade virtual, realidade aumentada e computação gráfica, proporcionando um ambiente imersivo, ambientado em uma área de 197,8m², composta por 5 telas de 3x3m que envolvem o usuário com imagens esterioscópicas, acionadas por um cluster gráfico.