Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Intercâmbio internacional é tema de palestra voltada aos calouros da Poli no primeiro dia de aula

Intercâmbio internacional é tema de palestra voltada aos calouros da Poli no primeiro dia de aula

A Escola Politécnica da USP realizou, na segunda-feira, dia 15 de fevereiro de 2016, uma série de palestras destinadas aos calouros no primeiro dia de aula. Entre elas, um representante da Comissão de Relações Internacionais da Escola, o professor Márcio Lobo Netto, apresentou aos ingressantes as possibilidades de intercâmbio internacional e suas regras de seleção e currículo. A internacionalização da graduação é uma prioridade para a Escola desde 2001, quando foi criada a Comissão que é responsável por todos os acordos nesta área, já tendo sido alcançada a marca de 1000 duplos diplomas concedidos entre alunos da Poli e estrangeiros.

O estudante da Escola Politécnica da USP tem a possibilidade de fazer três tipos de intercâmbio. O de Duplo Diploma, com duração de 2 anos, no qual o aluno se forma obtendo dois diplomas, tanto da Escola Politécnica quanto da instituição estrangeira de destino. O Aproveitamento de Estudos, com um período de 4 a 12 meses no exterior, no qual o aluno estuda em uma universidade parceira, com liberdade para escolher os cursos, e um número maior de vagas. E por fim o Intercâmbio Aberto, no qual o estudante tem a pode escolher a instituição de ensino estrangeira onde deseja estudar, não podendo optar pelas escolas que mantém parceria com a Escola Politécnica ou USP.

O professor Márcio Lobo ressaltou que ser um bom aluno é um pré-requisito para conseguir realizar intercâmbio na Escola, mas não apenas as boas notas destacam um aluno. “Participem de outras atividades sociais e culturais, bem como em projetos de iniciação científica. Esses itens são reconhecidos nos processos seletivos”, recomendou. Nestes processos são analisados: currículo, plano profissional e histórico escolar, no qual são levados em conta: média ponderada, posição relativa do aluno na turma, e existência de reprovações.

Outras informações sobre o processo de intercâmbio e os contatos do Serviço de Relações Internacionais da Poli-USP estão disponíveis no link http://www.poli.usp.br/pt/io.html. A apresentação está disponível no link.