Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Escola Politécnica da USP celebra 60 anos de parceria com a Marinha

Escola Politécnica da USP celebra 60 anos de parceria com a Marinha

Acordo resultou na criação do primeiro curso de Engenharia Naval do Brasil

A Escola Politécnica da USP e o Centro de Coordenação de Estudos da Marinha em São Paulo realizarão, no dia 9 de maio de 2016, às 9h, uma cerimônia para comemorar os 60 anos de parceria entre as instituições, que em 8 de maio de 1956 firmaram um convênio de formação técnico-científica que deu origem ao primeiro curso de formação de engenheiros navais do Brasil. O evento será realizado no Auditório Prof. Francisco Romeu Landi, na Escola Politécnica da USP, que fica na Av. Prof. Luciano Gualberto, travessa 3, nº 380, Cidade Universitária, São Paulo, e a confirmação de presença deve ser realizada pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

O diretor da Escola Politécnica da USP, professor José Roberto Castilho Piqueira, ressalta que a parceria com a Marinha é de relevância extrema para a Poli e para a Engenharia brasileira. “Começou com o pioneiro curso de Engenharia Naval, inicialmente para oficiais de Marinha e hoje de grande procura para jovens
de todo país e, durante esses sessenta anos proporcionou amplo desenvolvimento em todas as áreas como: eletrônica, comunicações, controle, engenharia de estruturas e engenharia de materiais. Mais recentemente, permitiu a formatação das disciplinas de Engenharia Nuclear, que já estão prontas para serem ministradas”.

Até meados da década de 1950, a Marinha do Brasil precisava enviar seus oficiais ao exterior para que estes adquirissem as competências técnicas necessárias para executar a engenharia de seus projetos, já que o país não dispunha de um curso de formação de engenheiros navais. Considerando suas próprias necessidades, e atenta à potencial demanda que se formava com a expansão da indústria de construção naval brasileira, a Marinha firmou, em 8 de maio de 1956, convênio de formação técnico-científica em parceira com a Universidade de São Paulo, a partir do qual a Escola Politécnica deu origem ao primeiro curso de formação de engenheiros navais do Brasil.

Segundo o chefe do departamento de Engenharia Naval e Oceânica da Poli-USP, professor Alexandre Simos, a Escola Politécnica não apenas formou mais de uma centena de oficiais-engenheiros do corpo técnico da Marinha, como também colaborou, e colabora, para suprir a indústria naval do Brasil com profissionais capacitados que ajudaram a construir a sua história. “Uma história que reúne importantes avanços tecnológicos que, entre outros resultados marcantes, levaram o país a ser um dos maiores construtores mundiais de navios ao final da década de 1970 e ajudaram a transformá-lo em um dos atuais líderes em exploração de petróleo e gás em águas profundas”.

Serviço

60º aniversário do Convênio Marinha do Brasil – Universidade de São Paulo

Data e horário: 9 de maio de 2016, às 9h

Local: Av. Prof. Luciano Gualberto, travessa 3, nº 380, Cidade Universitária, São Paulo, SP.

Confirmação de presença obrigatória pelo e-mail Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .