Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Pesquisas sobre infraestrutura de transportes são premiadas na USP

Pesquisas sobre infraestrutura de transportes são premiadas na USP

Oito trabalhos de pesquisa, quatro nacionais e quatro internacionais, receberam na tarde desta terça-feira, 24 de outubro, o 2º Prêmio Cátedra Abertis – USP em Gestão de Infraestruturas de Transportes, promovido pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), pela Fundação Abertis e pela empresa Arteris. As melhores teses e dissertações relacionadas com o tema de segurança viária, defendidas em 2016, foram premiadas em cerimônia realizada na Reitoria da USP.

Participaram da solenidade o Reitor da USP, Marco Antonio Zago, o Presidente da Fundação Abertis, Sergi Loughney, o Presidente da Arteris, David Díaz, o Cônsul Geral da Espanha em São Paulo, Ángel Vazquez Díaz de Tuesta, o diretor da Escola Politécnica da USP, professor José Roberto Castilho Piqueira, e a vice-diretora, professora Liedi Légi Bariani Bernucci, que dirige a Cátedra no Brasil.

O reitor ressaltou a importância do prêmio para a universidade, uma vez que aproxima a academia do setor produtivo, cumprindo assim a função para qual foi criada, servindo aos interesses da sociedade. “Essa associação entre universidade e empresas que atuam no País é fundamental para que possamos exercer nossa atividade como universidade, como criadora de conhecimento”. Além disso, ele destacou que o tema da premiação, a questão de transportes e a segurança no trânsito, é muito importante para as sociedades desenvolvidas ou em desenvolvimento.  

Durante o evento, o professor do Departamento de Engenharia de Transportes da Poli-USP Cláudio Barbieri da Cunha, apresentou uma palestra sobre logística e infraestrutura de transportes no meio urbano. A solenidade foi encerrada com uma apresentação de jovens integrantes do Projeto Guri, considerado o maior programa sociocultural brasileiro e que oferece diversos cursos relacionados à música para crianças e adolescentes entre seis e 18 anos.

Premiação nacional - A reunião que definiu os premiados nacionais aconteceu na sede da Arteris em São Paulo, sob a presidência da professora Liedi Legi Bernucci. O Júri foi composto pela docente, pelo professor Orlando Strambi, docente da área de transporte público e planejamento de transporte da Poli-USP, e pelo Gerente de Pavimento do Grupo Arteris, Felipe Camargo Filllizzola, e pelo Gerente Corporativo de Operações do Grupo Arteris, Elvis Granzotti. Após um debate sobre a qualidade das obras, carga de trabalho, questões práticas, inovação, rigor científico, análise de dados e seu tratamento, os resultados da aplicação e a produção de artigos, no caso de candidatos de doutorado, o Júri decidiu por unanimidade atribuir os prêmios listados abaixo.

O Prêmio de Melhor Tese de Doutorado foi compartilhado entre dois ganhadores que empataram em 1º lugar no julgamento da banca. São eles:

• DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE FUNÇÃO DE TRANSFERÊNCIA PARA PREVISÃO DO DANO POR FADIGA EM PAVIMENTOS ASFÁLTICOS – Marcos Antonio Fritzen da COPPE, UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro (Orientadora: Prof. dra. Laura Maria Goretti da Motta);

• CRESCIMENTO ECONÔMICO E INFRA-ESTRUTURA: O IMPACTO DO PROCESSO EM MINAS GERAIS – Lucas Siqueira de Castro, da Universidade Federal de Viçosa (Orientador: Prof. Dr. João Eustáquio de Lima, Coorientador: Prof. dr. Eduardo Simões de Almeida, 

Na categoria Mestrado, o trabalho premiado foi:

•The Role of Information in Transit use by Undergraduate and Graduate Students in Brazil and Denmark – Mayara Moraes Monteiro (Orientador: Prof. Dr. Leonardo Herszon Meira,. Coorientador: Prof. Dr. Otto Anker Nielsen,), da Universidade Federal de Pernambuco:

Na categoria Melhor Dissertação de Segurança Viária, o trabalho premiado foi:

• Evaluation of Drivers’ Behavior Performing a Curve Under Mental Workload – Fábio Sartori Vieira (Orientadora: Professora Dra.Ana Paula Camargo Larocca), da Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo.

Premiação internacional - A reunião que definiu os premiados aconteceu na sede da Abertis em 16 de maio de 2017, sob a presidência do presidente de Abertis, Salvador Alemany, e secretário do Júri, Sergi Loughney. Na categoria de Tese de Doutorado os vencedores foram:

  • Dr. Gabriel Michau (UNIVERSIDADE DE LYON - França), "Link Dependent O-D Matrix Estimation".
  • Dr. Pierre Antoine. Laharotte (Universidade de Lyon - França), "Prediction of traffic states with machine learning”.

Na categoria Tese de Mestrado o vencedor foi Marcus Niehaus (Pontificia Universidad Catolica de Chile), "Accessibility and equity in social appraisal".

Na categoria Segurança no Trânsito, o vencedor foi Heidi Hamdane (Universidade Aix - Marseille - França), "Improvement of pedestrian safety ".