Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Comunicação Notícias Arquivo de notícias Nasce a PoliStart, a primeira aceleradora de startups da Fundação Vanzolini e ex-alunos da Poli-USP

Nasce a PoliStart, a primeira aceleradora de startups da Fundação Vanzolini e ex-alunos da Poli-USP

De olho no futuro, a Fundação pretende ampliar e contribuir para o ecossistema de inovação da USP e seus parceiros, como já existe em Harvard e MIT

Com a participação dos ex-alunos da turma de 1980 do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), professores, diretores e conselheiros, a Fundação Vanzolini lançou nessa quinta-feira, dia 7 de dezembro, a PoliStart. Uma aceleradora de startups, que terá por objetivo conectar ainda mais os alunos da Poli com o mercado externo, e vice-versa, num intercâmbio de idéias, inovações e compartilhamento de conhecimentos.

“O que nos move são as paixões. E, o que nos fez mudar de comportamento, sair de uma zona de conforto? A paixão por criar algo novo, por devolver à sociedade o que ela nos deu, por deixar um pequeno legado à nossa responsabilidade com uma sociedade melhor. De um encontro de ex-alunos, surgiu o embrião de uma idéia, mas foi determinante a acolhida que esta idéia, teve na Fundação Vanzolini, este centro de excelência de educação corporativa e profissional, e no Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da USP”, revela o engenheiro e empresário, Marco Szili, representante da turma de 1980, sobre a criação da PoliStart.

 De acordo com o diretor de Operações da Vanzolini, prof. Roberto Marx, professor da Poli e integrante da turma de 80, durante um ano foram realizados vários estudos para o projeto, “ficamos mergulhados no assunto, estudando os ecossistemas envolvidos, as questões do empreendedorismo e agora com a parceria da Escola Politécnica da USP, e do grupo de ex-alunos, o sonho se tornou realidade”.

E avisa: “Estamos prontos para contribuir com a sociedade, prontos para esta transição e para o futuro. A interface da academia com o mercado, com ex-alunos que atuam brilhantemente na área, e o apoio dos representantes das indústrias e entidades governamentais demonstram o potencial da PoliStart, e reforçam seu ‘DNA’”.

Para Franklin Ribeiro, ex-aluno de engenharia da computação da Poli e hoje, gerente de investimentos da Investe São Paulo – Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade – do Governo do Estado de São Paulo, “a PoliStart nasce num momento muito favorável às startups no Brasil, com grande potencial e a vantagem da Poli ser uma grande formadora de executivos”.

E, analisa: “Vários politécnicos estão hoje em grandes empresas e podem contribuir muito com mentoria, por exemplo. Por outro lado, muitos jovens que se formam hoje não querem ir de imediato para uma grande organização. O universo das startups está chamando a atenção. Nós, da Investe São Paulo, estamos sempre buscando parcerias para fomentar o ecossistema do Estado de São Paulo”.

Mais de 100 convidados estiveram presentes ao coquetel de lançamento da aceleradora, que também representava o fim do ciclo de comemorações dos 50 anos da Fundação Vanzolini.

“A experiência da Fundação, que já é um centro de referência para empresas e profissionais, e recentemente foi credenciada pelo Instituto de Ciência e Tecnologia, mostra que somos uma escola de ponta. Os desafios são grandes, mas estamos preparados”, declara o João Amato Neto, professor da Poli-USP e presidente da Vanzolini.

PoliStart

Inicialmente, a PoliStart será uma aceleradora de idéias e startups em gestação ou nascidas no ambiente da Poli USP, por seus alunos e docentes. Mas, com o tempo também terá o desafio de contribuir para o desenvolvimento de produtos e processos inovadores para clientes, interligando o investimento e a geração de valor.

A PoliStart contribuirá para a formação dos novos engenheiros, que precisarão atuar numa sociedade em constante mudança.

50 anos da Fundação Vanzolini

A Fundação Vanzolini, instituição privada, mantida e gerida por professores do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), foi criada em 31 de março de 1967 para atender as necessidades da crescente demanda por profissionais especializados em Administração Industrial e Engenharia de Produção.

Ao longo desses 50 anos, a instituição se consolidou como um importante órgão de propagação da Engenharia de Produção, que resultou no desenvolvimento de cursos de especialização para profissionais, em parceria com a Escola Politécnica da USP. Além de sua atuação em Educação Continuada, a Fundação Vanzolini também expandiu sua presença em áreas como Certificação, Gestão de Tecnologias em Educação e Projetos, tornando-se um importante centro de referência nessas áreas.

Outras informações

Assessoria de Imprensa

Com Wania Torres – (11) 98377-3559

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.