Escola Politécnica da USP

usp.br

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Notícias

Poli cria embalagem comestível, biodegradável e antimicrobiana

Além de vantagens econômicas, o filme poderá reduzir a quantidade
de lixo que é gerada com as embalagens convencionais.

Um filme plástico comestível, biodegradável e com propriedades antimicrobianas, desenvolvido na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP), poderá ser uma nova opção para a fabricação embalagens de alimentos. O novo produto, um polímero natural feito a partir de amido de mandioca e açúcares, é resultado do projeto de pós-doutorado da engenheira química Cynthia Ditchfield, do Laboratório de Engenharia de Alimentos, do Departamento de Engenharia Química da Poli.

Leia mais...
 

Pesquisa da Poli reduz em até 20% o uso de defensivos agrícolas em laranjais

Técnica de geoestatística possibilitou diminuir o custo operacional da Citrovita. 

Pesquisadores da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) conseguiram reduzir em até 20% o uso de defensivos agrícolas em laranjais, por meio da aplicação de técnicas geoestatísticas, normalmente empregadas em geologia e mineração. O trabalho foi desenvolvido numa área piloto das plantações de laranja da Citrovita Agro Pecuária, empresa do Grupo Votorantim, pela mestranda Miriam Okumura, orientada pelo engenheiro de Minas Giorgio De Tomi, do Laboratório de Planejamento e Otimização de Lavra (Lapol), do Departamento de Engenharia de Minas e de Petróleo, da Poli. A técnica pode ser replicada em outros tipos de lavoura.

Leia mais...
 

Poli/USP pesquisa sistemas de ar-condicionado que economiza até 34% de energia

Um sistema possui serpentinas de água gelada, instaladas no teto, que irradiam
frio para o ambiente; o outro possui uma câmara de ar resfriado debaixo do piso.


Imagine um sistema de ar-condicionado que ofereça total conforto térmico, que seja silencioso, econômico, de fácil limpeza e manutenção. E que ainda não represente um obstáculo na hora de mudar o layout do escritório: independentemente da disposição das divisórias e dos móveis, as saídas do ar não atrapalham na decoração. Esse sistema existe e está instalado em dois ambientes da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP).

Leia mais...
 

Poli/USP cria porcelana de ossos com matérias-primas brasileiras

Feita de cinzas de ossos bovinos, a porcelana apresenta potencial
de utilização para bioimplantes ósseos e odontológicos.

Uma porcelana com matéria-prima totalmente brasileira foi desenvolvida pelo pesquisador Ricardo Miyahara do Departamento de Engenharia Metalúrgica e de Materiais da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP). Utilizando cinzas de ossos bovinos, caulim (tipo de argila) e feldspato (rocha dotada de propriedade fundente), o pesquisador chegou a uma porcelana com maior alvura, leveza, resistência e propriedades comparáveis às do material inglês, que emprega, entre outras matérias-primas, o cornish stone.

Leia mais...
 

Suco de laranja de caixinha igual ao da fruta fresca

Processo desenvolvido pela Escola Politécnica/USP é uma
alternativa de investimento para produtores e cooperativas.

Suco de laranja pasteurizado com quase o mesmo sabor, aroma e aparência do suco fresco. É o que a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP) conseguiu obter a partir de uma pesquisa que aperfeiçoou o processo de pasteurização HTST (High Temperature Short Time) – método mais empregado pela indústria nacional de sucos. A inovação vai ao encontro de uma tendência mundial de consumo, caracterizada pelo aumento da procura por produtos prontos, mais saudáveis e naturais, e de vida longa.

Leia mais...
 



Siga a Poli no Facebook Siga a Poli no Flickr Siga a Poli no Twitter