Edital EP 060/2016-Proc. Seletivo-PNV-Especialidade:“Métodos experimentais em eng. naval e oceânica”

pnv

EDITAL EP-060 – EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO E CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS

O Diretor da Escola Politécnica da USP, Prof. Dr. José Roberto Castilho Piqueira, torna público a todos os interessados que, de acordo com o decidido pelo Conselho Técnico Administrativo, em sessão realizada em 11/08/2016, estarão abertas pelo prazo de 29 dias, de 29/08/2016 a 26/09/2016, das 09h às 12h ou das 14h às 16h, as inscrições para contratação de docente por prazo determinado, como Professor Contratado III (Doutor), cargo/claro nº 1246089, recebendo o salário de R$ 1.795,81, em Jornada de 12 horas semanais de trabalho, junto ao Departamento de Engenharia Naval e Oceânica, na especialidade “Métodos experimentais em engenharia naval e oceânica”.

1 – As inscrições serão feitas na secretaria do Departamento de Engenharia Naval e Oceânica (Av. Prof. Mello Moraes, 2231 – Cidade Universitária – São Paulo – SP – CEP: 05508-030 – Prédio de Engenharia Mecânica, Mecatrônica e Naval), devendo o candidato apresentar:

I – cópia da cédula de identidade (RG/RNE, OU PASSAPORTE);

II – cópia do CPF;

III – prova de que é portador do titulo de Doutor, outorgado ou reconhecido pela USP ou de validade nacional.

§ 1º – A inscrição deverá ser feita pelo candidato ou por seu procurador legalmente constituído.  No caso de Procurador, o portador deverá apresentar os documentos do candidato.

§ 2º – Não serão recebidas inscrições pelo correio, por email, por fax ou por qualquer outro meio.

2 – O processo seletivo terá validade imediata exaurindo-se com a convocação e eventual contratação do (s) aprovado (s).

3 – Atribuição da função: os candidatos aprovados, ao serem contratados, deverão ministrar a (s) seguinte (s) disciplina (s):

PNV3391 – Laboratório de Engenharia Naval I

PNV3392 – Laboratório de Engenharia Naval II

4 – A seleção será realizada seguindo critérios objetivos, por meio de atribuição de nota (s) em prova (s), que será (ão) realizada (s) em uma única fase, na seguinte conformidade:

A) Prova Escrita

 

§ 1º – A prova escrita que versará sobre o programa base do concurso, será realizada de acordo com o disposto no artigo 139 e seu parágrafo único do Regimento Geral da USP:

§ 2º – A comissão organizará uma lista de dez pontos, com base no programa do concurso e dela dará conhecimento aos candidatos, vinte e quatro horas antes do sorteio do ponto;

§ 3º – Sorteado o ponto, inicia-se o prazo improrrogável de cinco horas de duração da prova;

§ 4º – Durante sessenta minutos, após o sorteio, será permitida a consulta a livros, periódicos e outros documentos bibliográficos de uso público, que o candidato tiver levado para o local da prova, da qual não lhe será permitido ausentar-se durante esse período;

§ 5º – As anotações efetuadas durante o período de consulta poderão ser utilizadas no decorrer da prova, devendo ser feitas em papel rubricado pela comissão e anexadas ao texto final;

§ 6º – A prova, que será lida em sessão pública pelo candidato, deverá ser reproduzida em cópias que serão entregues aos membros da comissão julgadora, ao se abrir a sessão;

§ 7º – Cada prova será avaliada pelos membros da comissão julgadora, individualmente.

B) Prova Didática

5 – A prova didática será publica, com a duração mínima de 40 (quarenta) e máxima de 60 (sessenta) minutos, e versará sobre o programa base do concurso, nos termos do art. 137, do Regimento Geral da USP.

§ 1º – O sorteio do ponto será feito 24 horas antes da realização da prova didática;

§ 2º – O candidato poderá utilizar o material didático que julgar necessário.

§ 3º – O candidato poderá propor substituição dos pontos, imediatamente após tomar conhecimento de seus enunciados, se entenderem que não pertencem ao programa do concurso, cabendo à comissão julgadora decidir, de plano, sobre a procedência da alegação.

§ 4º – Os candidatos que se apresentarem depois do horário estabelecido não poderão realizar as provas.

6 – Os pesos das provas são os mesmos estabelecidos no Regimento das Unidades, e para o cálculo da média individual, a soma dos pesos será o quociente de divisão.

7 – Serão considerados habilitados os candidatos que alcançarem, da maioria dos examinadores, nota mínima sete.

8 – A comissão de Seleção deve definir o primeiro colocado pela maioria das indicações dos membros da Comissão Excluído o primeiro colocado, a Comissão deverá, dentre os candidatos remanescentes, escolher o segundo colocado pela maioria das indicações de seus membros, e assim, sucessivamente.

9 – Havendo empate, a Comissão de seleção desempatará mediante justificativa, levando em consideração a média global, obtida pelos candidatos com todos os examinadores.

10 – O programa base do concurso será o seguinte:

  1. Regras práticas e comportamento em laboratórios; Planejamento de campanhas experimentais; Análise de incertezas e propagação de erros;
  2. Tecnologia de sensores e transdutores; Condicionamento e aquisição de sinais; Processamento de sinais analógicos e digitais.
  3. Osciladores lineares de um e mais graus de liberdade; Resposta do oscilador livre; Resposta do oscilador forçado (função de transferência, ressonância).
  4. Teoria simples de viga; Vigas carregadas transversalmente; Tensões na flexão devidas ao momento fletor e força cortante; Estado duplo de tensões; Cálculo dos deslocamentos transversais em vigas sob carregamento transversal.
  5. Equações constitutivas da dinâmica de fluidos reais e ideais; Escoamento Potencial; Escoamento laminar e turbulento; Escoamento ao redor de corpos afilados e rombudos; Teorias de Camada-Limite.
  6. Teoria da Semelhança aplicada à estimativa da resistência ao avanço de uma embarcação; Teoria linear de ondas de gravidade; Energia de ondas e propagação de energia; O conceito de grupo de ondas.

Bibliografia básica:

  • Tropea, Cameron, Yarin, Alexander L., Foss, John F. (Eds.), Springer Handbook of Experimental Fluid Mechanics, 2007, Springer, ISBN 978-3-540-25141-5;
  • Barros Neto, Scarminio, Bruns; Como fazer experimentos: pesquisa e desenvolvimento na ciência e na indústria; Editora da Unicamp, 2001;
  • Gere, J.M.; Goodno, B.J. Mechanics of Materials, 8th ed., Cengage Learning, 2012, 1152 p.;
  • THOMSON, W.T. and DAHLEH, M.D., 1998. “Theory of Vibration with Applications”. Prentice Hall, Upper Saddle River, New Jersey. 5th edition, 524p.;
  • SHEARER, Murphy e Richardson: “Introduction to System Dynamics”, Addison-Wesley, 1971;
  • Frank M.White, “Mecânica dos Fluidos”, Tradução da 6.a edição Norte-Americana, McGraw Hill, 2010;
  • Bertram, V (2000). Practical Ship Hydrodynamics. Butterworth-Heinemann, London/UK;
  • Newman, J.N.  Marine Hydrodynamics.  The M.I.T. Press, Cambridge MA/USA, 1977.

Os itens do programa fazem parte do programa das seguintes disciplinas do curso de engenharia naval:

  • PNV3391 Laboratório de Engenharia Naval I (Graduação)
  • PNV3392 Laboratório de Engenharia Naval II (Graduação)
  • PME3230 Mecânica dos Fluidos I
  • PME3330 Mecânica dos Fluidos II
  • PNV3212 Mecânica dos Sólidos I
  • PNV3222 Mecânica dos Sólidos II
  • PNV3314 Dinâmica de Sistemas I
  • PNV3323 Hidrodinâmica I

11 – O (s) candidato (s) deverá (ão) comparecer no período de 10/10/2016 a 11/10/2016, na secretaria do Departamento de Engenharia Naval e Oceânica (Av. Prof. Mello Moraes, 2231 – Cidade Universitária – São Paulo – SP – CEP: 05508-030 – Prédio de Engenharia Mecânica, Mecatrônica e Naval), das 9h às 16h, para o conhecimento do cronograma das provas. O não comparecimento implicará automaticamente a desistência do candidato.

12 – O resultado do processo seletivo será homologado pelo CTA.

13 – A contratação será por prazo determinado e vigorará a partir da data do exercício e até 31/07/2016, nos termos estabelecidos na Resolução nº 5.872, publicada no D.O.E. de 29/09/2010, alterada pela Resolução n° 6060/2012, publicada no D.O.E. de 28/02/2012, com possibilidade de prorrogações, desde que a soma dos períodos não ultrapasse o prazo de dois anos.

14 – Os docentes contratados por prazo determinado ficarão submetidos ao Estatuto dos Servidores da Universidade de São Paulo e vinculados ao Regime Geral da Previdência Social – RGPS.

15 – São condições de admissão:

Estar apto no exame médico pré-admissional realizado pela USP.

Ser autorizada a acumulação, caso o candidato exerça outro cargo, emprego ou função pública.

Maiores informações, bem como as normas pertinentes ao processo seletivo, encontram-se à disposição dos interessados no Serviço de Órgãos Colegiados e Concursos da Escola Politécnica da USP ou pelo email svorcc@poli.usp.br.