Perfil

O Departamento de Engenharia Química (PQI) desenvolve atividades de ensino de graduação e pós-graduação, e pesquisa. Na graduação, o PQI é responsável por uma das mais bem-sucedidas experiências na área de educação cooperativa. Seu curso de Engenharia Química, que até 1999 era ministrado em regime semestral, passou a ser oferecido no sistema quadrimestral. A principal característica desse sistema é a de intercalar, quadrimestralmente, módulos acadêmicos e de estágio, nos quais o aluno se dedica integralmente ora às atividades escolares na Poli, ora às atividades de estágio nas indústrias. O sucesso desse modelo tem sido observado pela alta empregabilidade dos alunos egressos.
 
Na pós-graduação, o PQI oferece cursos em níveis de mestrado desde 1968 e doutorado, desde 1972. Nas duas últimas avaliações trienais da Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), referentes aos períodos de 2001-2003 e de 2004-2006, o programa de pós-graduação do PQI obteve conceito 6, o que atesta o seu grau de excelência.
Dentre os resultados de destaque, oriundos dos trabalhos desenvolvidos pelos diferentes grupos de pesquisa do PQI, estão diversos projetos financiados por empresas e por agências de fomento, em modalidades do tipo “projetos de inovação tecnológica” ou “parcerias com empresas”.
 
Esses projetos têm gerado não apenas soluções efetivas para as empresas envolvidas (Petrobras, Oxiteno, Rhodia, Fafen, Polibrasil, Germinal, Fmaiis, Cosipa, entre outras), mas também resultados científicos divulgados em periódicos importantes da área e em congressos técnico-científicos. Cabe mencionar a forte e duradoura parceria com a Petrobras no desenvolvimento de tecnologias de controle avançado de processos de refino de petróleo e na formação de recursos humanos nesta especialidade, que resultou na criação do CETAI (Centro de Excelência em Tecnologia de Automação Industrial, da Petrobras).
 
O PQI foi também responsável pela criação, organização e gerenciamento do CEPEMA (Centro de Capacitação em Ensino e Pesquisa em Meio Ambiente), instalado em Cubatão. Ligado a esta atividade, o Departamento sedia também um INCT (Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia) na área de aplicações ambientais da Engenharia Química.
 
Linhas de pesquisa
  • Eletroquímica e Corrosão
  • Engenharia Bioquímica
  • Engenharia de Alimentos
  • Fenômenos Transporte, Termodinâmica e Operações Unitárias
  • Modelagem, Controle e Otimização de Processos
  • Química Industrial

 

Laboratórios

  • Laboratório de Eletroquímica e Corrosão (LEC)
  • Laboratório de Engenharia Bioquímica (LEB)
  • Laboratório de Engenharia de Alimentos (LEA)
  • Laboratório de Engenharia de Sistemas em Processos (LSCP-CESQ)
  • Laboratório de Prevenção e Controle da Poluição (LPCP)
  • Laboratório de Separações Térmicas e Mecânicas (LSTM)