Confira como foi a homenagem ao professor Marcelo Knorich Zuffo realizada pela AEP

Na noite da última quinta-feira, dia 11 de novembro de 2021, a Associação dos Engenheiros Politécnicos (AEP) da Escola Politécnica (Poli) da USP realizou a tradicional homenagem de “Professor do Ano”. Em 2021, o professor Marcelo Knorich Zuffo, do Departamento de Engenharia de Sistemas Eletrônicos (PSI), foi o homenageado.

O evento foi iniciado pelo politécnico Dário Gramorelli, Diretor Geral da AEP, que falou que a cerimônia é uma homenagem a todos os docentes e à educação, a qual é a base para a construção da sociedade. Em seguida, a diretora da Poli, professora Liedi Légi Bariani Bernucci, agradeceu a AEP pela realização da celebração “Professor do Ano”, e ressaltou a importância de homenagear as pessoas que acreditam na educação. 

A diretora comentou sobre a dedicação do professor Zuffo à educação e a Escola e expressou o orgulho da Poli de ter docentes que doam suas competências à sociedade. Bernucci agradeceu tudo que Zuffo fez pela Poli, USP e sociedade, e também agradeceu o apoio que a família do professor lhe dedicou. A diretora finalizou sua fala parabenizando o homenageado da noite.

O professor Raul Gonzalez Lima exaltou que era uma honra discursar sobre o professor Zuffo, e que era um orgulho ter ele como membro da Escola. Lima leu uma pequena biografia da carreira do pesquisador e contou que o padrão de TV digital estabelecido no Brasil, a qual o docente contribuiu, hoje é utilizado em 14 países. Lima falou sobre o papel de Zuffo em contribuir para com a sociedade por meio da Engenharia, o que ele fez criando tecnologias nacionais que permitem a autonomia tecnológica do Brasil em certos ramos. 

Além disso, Lima discorreu sobre a participação de Zuffo na criação do projeto Inspire, e destacou a metodologia de ensino de Zuffo, o qual acredita que o conhecimento desenvolvido em sala de aula deve ser colocado em prática, o que é exemplificado pela equipe Skyrats, grupo de extensão da Poli que desenvolve drones inteligentes, que conta com o docente como coordenador. Lima finalizou falando que a homenagem é muito merecida e que tem orgulho de chamar Zuffo de amigo.

Christina Zuffo, irmã do professor da Escola e engenheira politécnica, fez uma apresentação sobre a vida pessoal do docente. Ele nasceu em São Paulo em 3 de setembro de 1966, e era o primeiro filho e neto da família. Desde pequeno, ele desmontava tudo que via com o intuito de saber o que tinha dentro, assim, mostrando seus primeiros interesses para a Engenharia. O jovem Zuffo costumava fazer experiências em casa com seu pai. No tempo da Escola, ele foi eleito três vezes consecutivas o melhor aluno da turma, e era muito conhecido pelos colegas por suas experiências científicas. 

Como estudante de graduação, Zuffo foi responsável por criar o Centro Acadêmico da Elétrica. Ele nunca pegou nenhuma dependência e era conhecido por ser um gênio. Na Poli, ele conheceu sua alma gêmea, Roseli, e, hoje, eles têm dois filhos. A irmã de Zuffo ressaltou como ele é um grande filho, pai, marido, irmão e tio, e encerrou sua participação parabenizando o professor e expondo que essa premiação é o reflexo da trajetória dele.

Roseli, esposa de Zuffo, comentou sobre a dedicação do professor ao projeto Inspire e a determinação dele em melhorar a vida das pessoas que estão em seu entorno. Segundo Roseli, Zuffo promove sua missão de ser professor em todas as dimensões de sua vida, além da sala de aula, ele sempre dá o exemplo e auxilia os grupos de extensão.

Na sequência, foram transmitidos vídeos de politécnicos homenageando o professor Zuffo. Em seus vídeos, os membros da equipe Skyrats citaram diversos motivos de porque o docente é merecedor do prêmio e como o pesquisador impactou a vida deles. Mestrandos, doutorandos, mestres e doutores que são ou foram orientados pelo docente também enviaram vídeos parabenizando e agradecendo Zuffo. Ainda houve a participação em vídeo de ex-alunos e colegas de trabalho que foram impactados pelo docente.

A família do professor também enviou vídeos para homenagear sua trajetória. Sua irmã caçula Patrícia, o cunhado Bruno, os sobrinhos Lucas e Vitor, o irmão Paulo e os filhos do professor foram alguns dos familiares que expressaram seus parabéns e o orgulho pela conquista de Zuffo.

O professor sênior da Poli e pai do homenageado, João Antonio Zuffo, fez a entrega da Placa de “Melhor Professor do Ano 2021” ao docente Marcelo Zuffo. Ele falou que seu filho sempre demonstrou ter talento para a área científica e que está orgulhoso de ver o filho nessa carreira.

Após receber a placa, Marcelo Zuffo fez um discurso, no qual exaltou a importância de sua família e seus colegas de trabalho para construir sua carreira. Ele lembrou a importância de sua esposa e dos professores Lima, Dário e Bernucci para a realização do Inspire. O professor utilizou o Renascentismo para explicar sua família e os membros da Poli. Ele contou sobre a influência da cultura italiana e de seus pensadores, como Dante Alighieri, Leonardo da Vinci, Giordano Bruno, para sua formação. 

O professor também explicou que seu pai sempre dizia que uma nação se faz com engenheiros, já que a Engenharia é o caminho para o progresso. Segundo ele, foi durante seu período na Poli que ele desenvolveu suas paixões tanto na Engenharia como na vida pessoal. Ele comentou sobre seu mestrado e doutorado que realizou em Manchester, período em que pôde trabalhar com o maior computador da Europa. Zuffo finalizou seu discurso abordando sobre sua visão para a Engenharia do Futuro.

A AEP também prestou uma homenagem à professora da Poli, Roseli de Deus Lopes, pelo apoio que ela prestou ao professor Zuffo, como sua companheira. O professor Dário encerrou o evento dizendo que Zuffo dá muito orgulho a todos. Além de agradecer a presença de todos os presentes.

Assista a transmissão do evento na íntegra aqui.