Tecnologias digitais e seu senso de imediatismo

Tereza Cristina Melo de Brito Carvalho é professora associada da Escola Politécnica (Poli-USP)

Professora Tereza Cristina Melo de Brito Carvalho, do LaSSu, Laboratório de Sustentabilidade em TIC. Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Artigo publicado no Jornal da USP.

A sociedade contemporânea está cada vez mais permeada pelas tecnologias digitais, presentes na maioria das atividades humanas. Essas atividades vão desde a educação, o trabalho, os negócios, a produção de bens, a produção e a oferta de serviços até o entretenimento, as compras e outras. Muitas dessas atividades podem ser realizadas a partir da palma de nossa mão. Empregando-se um smartphone, podemos assistir a um vídeo, participar de um curso remoto, pagar nossas contas, fazer transferências bancárias, fazer compras, encomendar o nosso jantar, pedir um táxi ou carro e assim por diante. Isso cria um senso de imediatismo, pois com algumas poucas operações a partir do nosso smartphone temos acesso a um mundo de serviços. Leia o artigo completo aqui.