Moção – reunião de dirigentes FOB

Nota à comunidade da Universidade de São Paulo 

Os dirigentes da USP, reunidos na Faculdade de Odontologia de Bauru nos dias 30 e 31 de julho de 2019, manifestam publicamente o apoio ao documento divulgado pelo Reitor – Mensagem à Comunidade USP Sobre o Teto Salarial – compreendendo a necessidade de adequação do cálculo dos vencimentos dos servidores da Universidade, em face da mudança da jurisprudência, do posicionamento do Tribunal de Contas e da judicialização da questão.

Para além do cumprimento da lei, obrigação que a USP, enquanto instituição pública, observa e permanecerá observando, os dirigentes manifestam, igualmente, grande preocupação em relação ao conjunto de iniciativas em curso, por diferentes agentes, que atingem a integridade da Universidade e questionam sua autonomia, buscando injustamente desacreditá-la, a despeito de sua enorme contribuição à sociedade, tanto ao longo de toda sua história como atualmente. Ressaltamos que a Universidade de São Paulo é um inestimável patrimônio científico, cultural, de produção do conhecimento e de formação de recursos humanos da sociedade paulista, com grande contribuição para o desenvolvimento do Estado de São Paulo e do País.

A USP se situa hoje entre as maiores universidades mundiais, sendo a mais importante instituição de ensino superior do Brasil e da América Latina, legado construído com o esforço da comunidade uspiana e da sociedade de São Paulo, que sempre manteve profunda relação de respeito e reconhecimento para com a instituição. Até por isso, os dirigentes se manifestam, também, pela necessidade de que o teto remuneratório das universidades paulistas, hoje significativamente inferior ao das universidades federais, seja compatível com sua contribuição e relevância.

Bauru, 31 de julho de 2019

Dirigentes da Universidade de São Paulo