Estadão: Sem grandes inovações, novo iPhone busca reposicionar marca da Apple

11/9/2019 – Notícia do Estadão

“Em ano de altos e baixos, após bater US$ 1 trilhão em valor de mercado e sofrer com baixas vendas de seu principal produto, empresa altera estratégia para deixar celular com ‘cara de mais barato’”

“Mas há duas grandes evoluções nos novos iPhones. A principal delas é o processamento: o novo chip da empresa promete ser mais rápido que os rivais e, ao mesmo tempo, mais econômico em termos de consumo de bateria. “É uma questão tecnológica: se não há evolução de energia ou no tamanho da bateria, o smartphone precisa se tornar mais eficiente”, avalia Renato Franzin, professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP)”.

Leia matéria no link https://link.estadao.com.br/noticias/empresas,sem-grandes-inovacoes-novo-iphone-busca-reposicionar-marca-da-apple,70003005250