UNESCO publica recomendações sobre Ciência Aberta

Texto completo em: http://www.acessoaberto.usp.br/unesco-recomendacoes-ciencia-aberta/

O movimento Open Science emergiu da comunidade científica e se espalhou rapidamente pelas nações, clamando pela abertura das portas do conhecimento. Investidores, empresários, formuladores de políticas e cidadãos estão aderindo a esta chamada. No entanto, no ambiente científico e político fragmentado, ainda falta uma compreensão global do significado, oportunidades e desafios da Ciência Aberta.

A UNESCO, como Agência das Nações Unidas com mandato para a Ciência, é a organização global legítima habilitada a construir uma visão coerente da Ciência Aberta e um conjunto compartilhado de princípios abrangentes e valores compartilhados. É por isso que, na 40ª sessão da Conferência Geral da UNESCO , 193 Estados Membros encarregaram a Organização de desenvolver um instrumento de definição de padrões internacionais sobre Ciência Aberta na forma de uma Recomendação da UNESCO sobre Ciência Aberta.

Em sua 40ª sessão em novembro de 2019, a Conferência Geral da UNESCO decidiu elaborar um projeto de Recomendação sobre Ciência Aberta. 

Confira o texto completo das Recomendações da UNESCO sobre Ciência Aberta: 

http://www.acessoaberto.usp.br/unesco-recomendacoes-ciencia-aberta/