Ventilador pulmonar Inspire é exemplo de sucesso da parceria entre USP e Marinha

A parceria entre a Escola Politécnica (Poli) da USP e a Escola de Engenharia da Marinha é frutífera na formação de profissionais da indústria há cerca de 65 anos. Mas o projeto Inspire, que produz

O ventilador pulmonar Inspire, para tratar pacientes com covid-19, é o mais recente fruto da parceria entre a Escola Politécnica e a Escola de Engenharia da Marinha – Foto: Erika Yamamoto

ventiladores pulmonares de baixo-custo para pacientes com covid-19 é atualmente o grande exemplo do sucesso desse enlace.  

O convênio entre as escolas permitiu que a formação de engenheiros fosse aprimorada em terras brasileiras, o que antes era possível apenas em países estrangeiros. Capacitando professores de grandes universidades, promoveu benefícios para a sociedade, bem como profissionais para a indústria naval.

“A pesquisa no Brasil sofre muito com a falta de continuidade e de recursos e a Marinha sempre é um apoiador importante que garante e apoia a perenidade das atividades desses laboratórios na Poli”, afirma Bernardo Andrade, professor do Departamento de Engenharia Naval e Oceânica da Escola Politécnica (Poli) da USP. Leia na íntegra.