Ações da Escola Politécnica da USP para diversidade são destaque em reportagem do Estadão

Uma reportagem do jornal O Estado de São Paulo, publicada no dia 7 de outubro, destaca as atividades da Poli em prol da diversidade.

“Dentre as ações tomadas pela diretora para mudar isso está um trabalho de conscientização do próprio corpo docente. “Temos conversado com os professores e em paralelo fortalecemos a comissão de ética e direitos humanos e a ouvidoria. Um comentário incorreto sobre a participação das mulheres no meio acadêmico, por exemplo, vai ser discutido e exposto. Queremos erradicar problemas como esse, mostrar que não serão aceitos.”

A reportagem também aborda as atividades promovidas pela Escola e pelos diretórios acadêmicos, como o Meninas na Poli, e destaca que das 10 unidades que compõem o Diretório Acadêmico estudantil, nove são presididas por mulheres.

Leia a reportagem completa no link https://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,faculdade-no-pos-covid-impoe-desafios-a-alunos-e-professores,70003861019