Transferência de mestrado para doutorado direto

A) Os orientadores interessados na transferência de seu orientado do programa de mestrado para o programa de doutorado direto deverão solicitar ao Programa de Pós-Graduação a realização de um exame de transferência. Nessa solicitação deve ser incluído:

  1. O currículo Lattes do aluno;
  2. O histórico escolar de graduação e de pós-graduação do aluno;
  3. O projeto de pesquisa de doutorado;
  4. Uma justificativa do orientador, fundamentada no mérito e na originalidade da proposta de trabalho de pesquisa, no desempenho do aluno no programa e na maturidade científica do aluno.

B) O programa constituirá uma comissão examinadora (nos moldes de um exame de qualificação), responsável pelo exame de transferência, a qual deverá considerar na sua avaliação:

  1. Documentação encaminhada;
  2. Apresentação pelo aluno da síntese da proposta de plano de trabalho;
  3. Resultado da arguição sobre o plano de trabalho;
  4. Aprovação de eventual pedido de bolsa de doutorado direto da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

C) A critério do orientador e do programa, o exame de transferência poderá ser realizado concomitantemente ao exame de qualificação de mestrado, respeitados os requisitos do exame de transferência;

D) A decisão da comissão examinadora poderá ser:

  1. Aprovação no exame de transferência. Neste caso, o resultado do exame deverá ser homologado pela Comissão de Pós Graduação da Poli. Após a homologação do resultado, o aluno prossegue seu programa, agora no doutorado direto, concluindo as disciplinas e os exames de proficiência em língua estrangeira e, depois, realizando o exame de qualificação de doutorado e a defesa da tese;
  2. Reprovação no exame de transferência. Neste caso, o aluno deve cumprir as exigências regimentais para concluir o seu curso de mestrado.