Poli integra projeto da USP que testa materiais para produzir 1 milhão de máscaras para hospitais

6/4/2020 – Máscaras que irão para 8 mil profissionais de saúde têm eficiência de até 97% em reter vírus. Também começam testes de máscaras com tecidos de algodão de camiseta, para uso geral

O professor Vanderley John, da Escola Politécnica (Poli) da USP, é um dos coordenadores da iniciativa, e explicou ao Jornal da USP que a prioridade é garantir máscaras para proteger os profissionais que vão cuidar dos pacientes com covid-19. “Sem eles não há atendimento hospitalar. Sabe-se também que a combinação de máscaras, isolamento social e higiene pode ajudar os cidadãos a diminuir risco de contágio quando tiverem que sair de casa”, destaca. “Estamos nos preparando também para fornecer subsídios às pessoas, a fim de que selecionem melhor os tecidos usados na confecção de máscaras artesanais.”

Leia a matéria completa neste link: https://jornal.usp.br/ciencias/ciencias-exatas-e-da-terra/usp-testa-materiais-para-produzir-1-milhao-de-mascaras-para-hospitais-opcoes-caseiras-tambem-serao-avaliadas/