A tecnologia como forma de aprimorar os serviços prestados pela saúde 

Com a pandemia de covid-19, a união das ciências da saúde e gestão de serviços cresceu exponencialmente. Para tanto, o Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica (Poli) da USP promoveu a disciplina Empreendedorismo e Gestão de Serviços em Saúde, conta o professor Clovis Alvarenga Netto ao Jornal da USP no Ar 1ª Edição. Segundo Netto, o incentivo da Universidade à multidisciplinaridade e até mesmo a aproximação entre diferentes campi foi essencial para a formulação da disciplina. Diante da demanda dos estudantes da saúde pelo estudo da inovação e empreendedorismo, o professor buscou unir a temática a ações já existentes no curso de Engenharia.

“O atendimento pode melhorar através do uso de aparelhos, softwares e aplicativos de telemedicina”, diz Netto, que aproveita para destacar o potencial do último: “A legislação tem mudado quanto à telemedicina. Ela não elimina a necessidade do primeiro atendimento ocorrer presencialmente, mas alguns acompanhamentos do paciente podem ser feitos a distância”, completa.

Leia a matéria do Jornal da USP na íntegra.