Procedimentos em casos de sintomas e casos confirmados de Covid-19

Diretoria da Escola Politécnica da USP  informa  procedimentos para funcionários, alunos e docentes que se encontram com  sintomas ou tenham confirmados  casos de covid-19.

Passo a passo: 

  • 1) Se estiver com sintomas de COVID19, vá às Unidades Básicas de Saúde, Hospital Universitário ou qualquer outro serviço médico, municipal ou estadual, para realizar o teste RT-PCR. Em caso de resultado positivo, COMUNIQUE imediatamente seu chefe imediato, a Assistência administrativa da POLI ou a Diretoria da POLI. Envie a copia de seu exame e o atestado do médico para que se processe seu afastamento. Siga as recomendações do médico e cuidados quanto ao período de afastamento do trabalho e eventuais necessidades de tratamento da saúde;

 

  • 2) O chefe imediato deve comunicar imediatamente a assistência administrativa da POLI se for comunicado de caso confirmado de COVID 19, para os procedimentos de verificação dos eventuais contactantes; 

 

  • 3) O PLANTÃO COVID19 do HU estabeleceu: Considera-se contactantes de caso confirmado da COVID-19 o paciente que teve contato com o caso confirmado da COVID-19, entre dois dias antes e quatorze dias após o início dos sinais ou sintomas ou da confirmação laboratorial, em uma das situações abaixo:  

 

  1. a) ter contato durante mais de quinze minutos a menos de um metro de distância;
  2. b) permanecer a menos de um metro de distância durante transporte;  
  3. c) compartilhar o mesmo ambiente domiciliar; 
  4. d) ser profissional de saúde ou outra pessoa que cuide diretamente de um caso da COVID-19, ou trabalhador de laboratório que manipule amostras de um caso da COVID-19 sem a proteção recomendada. 

 

Para os contactantes, a recomendação é: procure atendimento médico nas Unidades Básicas de Saúde, Hospital Universitário ou qualquer outro serviço médico, municipal ou estadual, para realizar o teste RT-PCR, orientações e afastamentos, quando indicado. O teste de RT-PCR realiza coleta de secreção do nariz e garganta e deve ser feito, a critério médico, a partir do 3º (terceiro) dia de sintomas para minimizar os resultados falso-negativos. Para os servidores com resultado positivo no teste RT-PCR, além das recomendações médicas e o afastamento do trabalho, reitera-se a importância de comunicar o mais breve possível o superior imediato ou o Dirigente da Unidade. 

  • 4) Lembre-se da importância de manter as medidas já preconizadas pelos órgãos sanitários de distanciamento social, uso de máscara, higiene das mãos e cuidados respiratórios com respeito às pessoas próximas.