FORMANDO ENGENHEIROS E LÍDERES

Jovens entre 18 e 29 anos que podem contribuir como estudo

O estudo realizado pela pesquisadora Líria Souza Silva, da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ) visa entender as reações das pessoas que observam o cyberbullying nas redes sociais, com o objetivo de desenvolver estratégias mais eficazes para combater esta prática. Ele é liderado pela University of Nicosia (Chipre) e pela The John Paul II Catholic University of Lublin (Polônia), com a colaboração da Universidade Federal de São João del-Rei – UFSJ (Brasil).  As instituições participantes deste estudo devem ter pelo menos 250 estudantes jovens (18 a 29 anos). Os dados serão coletados por meio do questionário online a seguir: https://forms.gle/FyWzYsoDVxMAY5qx7

Até agora, o estudo já conta com pesquisadores de mais de 60 países, da Albânia à Zâmbia. Precisa-se de no mínimo 250 respostas do Brasil para garantir a participação do País no estudo, o que é crucial para que se possa ter dados representativos. 

Print Friendly, PDF & Email