Professores da Poli lançam livro sobre aplicações modernas de dispositivos eletromecânicos

Publicado em inglês por editora britânica, o livro aborda aplicação de conceitos em equipamentos modernos como veículos elétricos, drones, robôs, propulsão dos modernos submarinos, entre outros.

A editora IoP Publishing lançou, em dezembro de 2019, o livro “Electromechanical Energy Conversion Through Active Learning”, de autoria dos professores da Escola Politécnica (Poli) da USP, José Roberto Cardoso e Mauricio Barbosa de Camargo Salles, do Departamento de Engenharia de Energia e Automação Elétricas (PEA) e o politécnico Mauricio Caldora Costa. A obra é fruto da experiência de décadas no ensino da Conversão Eletromecânica de Energia, e se utiliza de metodologias de aprendizagem ativa, técnicas modernas que vêm sendo aprimoradas pelos estudiosos da educação.

 Os autores identificaram que os livros didáticos disponíveis não apresentavam atualidades que contemplam as modernas aplicações dos dispositivos eletromecânicos em nossos dias. “A maioria são textos antigos, alguns clássicos e de grande valor intelectual para a época que foram lançados, que se restringem à apresentação dos atuadores clássicos, mormente as máquinas elétricas rotativas, sem apresentar aplicações importantes dos dispositivos eletromecânicos em equipamentos modernos, tais como: veículos elétricos, drones, robôs, propulsão dos modernos submarinos e outras”, explica o professor José Roberto Cardoso.

Além de mostrar a importância do entendimento desta disciplina na solução de problemas que nos afetam no dia-a-dia, os autores destacam que o livro também está adaptado à nova exigência da moderna educação em engenharia, a qual dedica esforços para tornar os cursos de formação mais agradáveis e eficientes, através das técnicas de aprendizagem ativa, como o Problem Based Learning, Flipped Classroom, Project Based Learning, Peer Instruction e outras.

Ao final de cada capítulo é apresentado um desafio a ser resolvido em grupo, alguns com solução aberta, para estimular a discussão e o trabalho em equipe, praticando com isso as competências exigidas pelo mercado de trabalho e pelas novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) das Engenharias, que estão a exigir profissional que não se restringe apenas em obedecer ordens de seu superior e sim ser proativo nas tomadas de decisões da equipe.

Acesse aqui o site da Editora.