Especialistas discutem pesquisas em pavimentação

O professor Amit Bhasin, da Universidade do Texas Austin, foi um dos palestrantes do workshop realizado pelo Laboratório de Tecnologia de Pavimentação

O Laboratório de Tecnologia de Pavimentação do Departamento de Engenharia de Transportes da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) realizou nesta sexta-feira (18/08), em São Paulo, o workshop Pavimentação Sustentável VI “Desempenho dos Ligantes Asfálticos”, que reuniu 54 pessoas, entre alunos, docentes, professores e representantes do setor industrial para discutir alguns dos mais recentes avanços em pesquisa nesse tema.

Na abertura do evento, a coordenadora do Laboratório, professora Liedi Légi Bariani Bernucci, também vice-diretora da Poli-USP, deu as boas-vindas aos presentes e destacou a história da Escola e a importância das pesquisas executadas por pesquisadores e docentes da instituição.

O primeiro palestrante foi um convidado internacional, o professor Amit Bhasin, da Universidade do Texas Austin, que falou sobre os esforços em integrar o conhecimento da ciência básica, as técnicas de medição e modelagem para projetar a próxima geração de betume. Bhasin ressaltou as abordagens científicas mais sofisticadas nas pesquisas que buscam desenvolver novos asfaltos, como o uso de simulações computacionais e medições usando microscopia de força atômica, entre outras técnicas, e os resultados obtidos em algumas das pesquisas.

A seguir, o professor Adalberto Faxina, da Escola de Engenharia de São Carlos da USP (EESC-USP), apresentou os resultados de uma pesquisa na qual foram avaliadas várias amostras de fornecedores de asfalto para a rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, do ponto de vista do cumprimento da especificação norte-americana Superpave (Superior Performance Asphalt Pavements ou Pavimentos Asfálticos de Desempenho Superior). Trata-se de uma metodologia que especifica os materiais, projeto e análises das misturas asfálticas, prevendo o desempenho dos pavimentos.

A última apresentação foi da professora Kamilla Vasconcelos, docente da Poli-USP. Ela falou sobre a sustentabilidade no estudo dos ligantes para pavimentação, apresentando um conjunto de pesquisas em desenvolvimento no Laboratório de Tecnologia de Pavimentação da Escola. Os estudos relacionados a bioligantes, que usam matérias-primas renováveis, e os desafios para a indústria de asfalto em adaptar as usinas para fazerem reciclagem foram alguns dos tópicos abordados.

Confira no Flickr da Poli-USP as fotos do evento.