Projeto da USP prepara garimpeiros para o século XXI, com foco na sustentabilidade

Núcleo de Pesquisa para a Mineração Responsável da Escola Politécnica da USP, o NAP.Mineração, capacitará os profissionais para atuarem de maneira mais segura e sustentável

O Núcleo de Pesquisa para a Mineração Responsável (NAP.Mineração) da Escola Politécnica (Poli) da USP criou o projeto “ASGM – Coexistência no Brasil” que objetiva capacitar garimpeiros para fazerem parcerias com o setor privado e adotar práticas mais sustentáveis nos âmbitos econômico, social e ambiental.

O projeto é financiado pelo fundo EGPS (Extractive Global Programmatic Support), do Banco Mundial. Além de contar com parcerias com a Organização Brasileira de Cooperativas (OCB), Cooperativa dos Garimpeiros do Vale do Rio Peixoto (COOGAVEPE), Cooperativa de Mineração dos Garimpeiros do Lourenço (COOGAL), University of British Columbia (UBC) e a empresa privada Newlox Gold.

O objetivo do projeto é “preparar os garimpeiros para o século XXI, estabelecendo modelos de mineração mais seguros e eficientes e disseminando técnicas de recuperação de ouro sem mercúrio, práticas e princípios de Saúde e Segurança, ESG, Gestão Econômica e Igualdade de Gênero”, fala o dirigente do NAP.Mineração, professor Giorgio De Tomi, que coordena o projeto.

Leia a matéria do Brasil Mineral na íntegra.