Estão aberta as inscrições para curso “Engenharia de Software IoT” da Poli-USP

O curso será realizado a partir do dia 23 de março, pelo Laboratório de Arquitetura e Redes da Poli-USP 

 

O Laboratório de Arquitetura e Redes (LARC) da Escola Politécnica (Poli) da USP vai oferecer o curso “Engenharia de Software IoT” na modalidade EAD, a partir de 23 de março,com duração de 8 semanas. O investimento é de R$600,00, pode ser parcelado, e será oferecido certificado. As inscrições encerram no dia 23 de março. Os responsáveis pelo curso são o professor Reginaldo Arakaki, do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Poli, e o mestrando Victor Takashi Hayashi, e também conta com alunos de mestrado e doutorado como tutores.

Os organizadores explicam que o curso “Engenharia de Software IoT” aborda duas áreas da tecnologia que têm conquistado cada vez mais destaque. Dessa forma, o objetivo do curso é ensinar, por meio teórico e prático, a metodologia dos sistemas de Internet das Coisas. Para isso, o curso será dividido em duas partes. Na primeira, os alunos estudam por 6 semanas o conteúdo teórico a partir de exercícios, fóruns de discussão e vídeos aulas de cerca de 15 minutos, as quais englobam estudo de casos e metodologias da Engenharia de Softwares.

A segunda parte do curso será prática e terá duração de duas semanas. Neste período, os participantes realizarão um projeto prático, individualmente ou em dupla, que terá a supervisão dos docentes, mediante encontros virtuais ao vivo. Os estudantes também recebem tutorias de Arduino, Python, Tinkercad e recomendações dos melhores materiais, kits e simuladores do mercado. 

Para receber o certificado, os alunos devem ter frequência de 75% e aproveitamento de conteúdo nota 7. É indicado que os alunos dediquem para o curso de 2 a 3 horas semanais para terem uma boa absorção do conteúdo.

Sobre os docentes

O professor Reginaldo, do departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais (PCS) da Escola Politécnica (Poli) da USP, realizou sua graduação em Engenharia de Computação e Sistemas Digitais no PCS-Poli e tornou-se mestre e doutor em Engenharia Elétrica pelo departamento de Engenharia Elétrica e Automação (PEA) da Poli-USP. Ele tem experiência no desenvolvimento de plataformas digitais para a indústria. Sua área de interesse na Engenharia de Software é baseada em Componentes, Arquitetura de Software e Métricas. Reginaldo acredita que as Plataformas de IoT devem ser na próxima década uma das referências em estudo de arquiteturas.

Victor Takashi Hayashi concluiu, em 2017, sua graduação  em Engenharia Elétrica com ênfase em Computação pelo departamento de Engenharia Elétrica e Automação (PEA) da Poli-USP. Após a conclusão, Victor fez vários cursos, muitos deles oferecidos por universidades no exterior, como a University of San Francisco (USFCA) e a University of Colorado (UC). Desde 2019, Victor faz mestrado em Engenharia Elétrica pelo PEA-Poli  e, atualmente, é bolsista da USP. Ele tem experiência na área de Engenharia Elétrica, com foco em Internet das Coisas e tendo atuado principalmente nos seguintes temas: arduino, laboratório remoto, eletrônica analógica, internet das coisas e smart home.

O Laboratório de Arquitetura e Redes de Computadores (LARC) é um laboratório do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. O laboratório exerce tanto funções acadêmicas, como também pesquisas e projetos para empresas nas áreas de arquitetura e redes de computadores. Hoje, o LARC conta com mais de 50 profissionais, entre doutores, mestres e engenheiros.

Com a automatização de muitas atividades, a Engenharia de Software é uma área com grande crescimento. Essa engenharia é uma área da Engenharia da Computação que trabalha com o software, ou seja, esses profissionais atuam no desenvolvimento de programas, aplicativos e sistemas.

A Internet das Coisas é uma nova área que busca criar maneiras de conectar os objetos utilizados no cotidiano das pessoas à internet. Exemplos disso são o ar-condicionado que pode ser programado pelo celular e as geladeiras inteligentes. 

As inscrições para o curso “Engenharia de Software IoT” encerram no dia 23 de março. 

Para inscrever-se, acesse aqui.