Poli testa revestimento asfáltico capaz de reduzir índices de acidente em rodovias

A engenheira civil Fernanda Santana Carvalho fala, em entrevista ao podcast “Os Novos Cientistas do Jornal da USP”, acerca de seu estudo, apresentado na Escola Politécnica (Poli) da USP, que trabalha com a incorporação de um revestimento asfáltico com granulometria descontínua do tipo gap-graded na redução de acidentes em pista molhada. Os testes foram realizados em dois trechos da rodovia Régis Bittencourt (BR 116), que liga São Paulo a Curitiba, no Paraná. 

 

Leia na íntegra.