Reportagem CICS CNN – Uso de Energia Geotérmica para Climatização de Ambientes

O Brasil terá, pela primeira vez na história, um prédio que usa energia do solo para climatizar ambientes. Parte da continuidade de uma pesquisa inovadora, realizada na Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP, o estudo avaliou o uso das fundações de edifícios como meios para troca de energia térmica entre o prédio e o subsolo. O prédio em construção na Escola Politécnica (Poli) da USP é financiado pelo Centro de Inovação em Construção Sustentável (CICS), ecossistema de representantes de empresas e acadêmicos dedicados a acelerar a inovação, sustentabilidade e produtividade nos âmbitos da construção civil. 

 

“A tecnologia de geotermia superficial vai ser utilizada no sistema de ar condicionado do prédio para retirar o calor do prédio, climatizando o prédio e retirando para o solo. A vantagem desse tipo de tecnologia é que como o solo está a uma temperatura mais baixa e constante ao longo do ano, a gente aumenta muito a eficiência do sistema de ar condicionado”, explica Alberto Hernandez Neto, professor da Escola Politécnica (Poli) da USP.

Veja a reportagem na íntegra: