Especialistas da Poli-Usp analisam mercado de energia

A Escola Politécnica (Poli) da USP contribui para a sociedade não apenas por formar os melhores profissionais que atuam no setor de energia, mas também por ser pioneira em projetos de modernização e de práticas sustentáveis. 

Em entrevista, quatro professores da Poli responderam em conjunto sobre as tendências que a Universidade está desenvolvendo com os alunos de engenharia da USP, sendo eles: Liedi Légi Bariani Bernucci, diretora da Poli; Marcos Antonio Saidel, professor sênior da Poli; Julio Romano Meneghini, professor titular da Poli e José Roberto Simões Moreira, coordenador do curso de especialização em Energias Renováveis, Geração Distribuída e Eficiência Energética. 

“A Poli conquistou reconhecimento nacional e internacional com sua atuação na área de energia. Seus docentes na área de energia elétrica contribuíram com diversas gestões em órgãos reguladores. A produção científica tem relevância mundial, que pode ser exemplificada pelo alto grau de seus artigos. Em termos nacionais, especificamente, a contribuição conceitual para a difusão do programa de ampliação do acesso à energia elétrica, por toda a sociedade, em especial aquela afastada do segmento urbano, teve sua grande contribuição nos bancos da Poli”, destacam os professores.

Leia a entrevista na íntegra.