Capital tem apenas um guincho para remover carros estacionados em locais proibidos

A cidade de São Paulo tem apenas um guincho para retirar carros estacionados em locais proibidos. Essa situação acontece desde o segundo semestre de 2021, quando venceu o contrato das empresas de guincho com a prefeitura. Durante esse período, o governo municipal tentou contratar novas empresas, porém o Tribunal de Contas do Município apontou problemas no edital.

O professor Cláudio Barbieri, do Departamento de Engenharia de de Transportes, da Escola Politécnica (Poli) da USP, em entrevista ao telejornal da Globo SP1, comentou que contratar empresas especializadas é uma forma de oferecer um serviço melhor a população, visto que mesmo que a prefeitura possua uma frota própria, ela pode não ter a quantidade suficiente de funcionários e equipamentos especializados. “Isso pode implicar em uma disponibilidade menor desses veículos, pois quanto mais tempo parado, demoram mais para voltar o serviço”.

Assista a matéria na íntegra.

Print Friendly, PDF & Email