USP inaugura centro de pesquisa de ponta em Santos

Ao lado de prédio centenário, novo laboratório une pesquisadores em ambiente interdisciplinar

A cidade de Santos, no litoral de São Paulo, ganhou um centro de excelência em pesquisa que desenvolve conhecimento e tecnologia para aumentar a eficiência dos reservatórios de óleo e gás localizados no pré-sal. O centro de pesquisas InTRA, sigla para Integrações Tecnológicas em Análises de Rochas e Fluidos, teve sua sede inaugurada nessa segunda-feira dia 1º de julho, na sede da Escola Politécnica (Poli) da USP na Baixada Santista, onde desde 2012 é oferecido o curso de Engenharia de Petróleo.

 

O InTRA reúne pesquisadores de diversas áreas para desenvolver conhecimentos que serão aplicados na exploração das reservas de petróleo, sobretudo no âmbito do pré-sal, camada profunda no litoral brasileiro que oferece grandes desafios para sua operação. Para solucionar os desafios tecnológicos que surgem neste contexto, uma equipe multidisciplinar – composta por químicos, físicos, geólogos e engenheiros das áreas química, mecânica, de minas e de petróleo atuam de forma integrada na pesquisa e na formação de recursos humanos. Carina Ulsen, professora da Poli e uma das coordenadoras, ressaltou que o conceito de integração é muito importante para o funcionamento do grupo. “Desde a criação da nossa identidade nós nos preocupamos em fazer a integração das expertises, ser um grupo forte nas disciplinas, mas principalmente na integração entre as áreas”. 

A solenidade de inauguração contou com a participação de autoridades da USP e de importantes instituições públicas e privadas. Da universidade, estiveram presentes a diretora da Poli, professora Liedi Légi Bariani Bernucci; o Pró-Reitor Adjunto de Pesquisa da USP, professor Antonio Mauro Saraiva, que representou o Reitor da Universidade, professor Vahan Agopyan; o Chefe do Departamento de Engenharia de Minas e de Petróleo da Poli, professor Giorgio de Tomi; e a coordenadora pedagógica da unidade de Santos, Patrícia Matai. Também participaram o Presidente da Fundação Parque Tecnológico do Município de Santos, Omar Silva, que representou o prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa; o Gerente Geral da Petrobrás, Oswaldo Kawakami;  o engenheiro da Secretaria de Energia e Mineração do Estado de São Paulo, Ricardo Cantarani.

Outras informações na matéria Como pesquisadores da Poli estão desenvolvendo tecnologia para aumentar a eficiência dos reservatórios de petróleo.