Apple tenta impulsionar estratégia no mundo dos games com o iPhone 13

No dia 14 de setembro, a Apple apresentou a geração 2021 do iPhone. À primeira vista, o iPhone 13 não empolgou. Porém, o iPhone 13 Pro e o iPhone 13 Pro Max, os mais avançados entre os quatro modelos lançados, trazem inovação para os usuários que jogam pelo celular. Com mais armazenamento, mais potência no desempenho gráfico e melhorias na tela, o iPhone virou uma potente máquina de jogo.

Além disso, a tela agora tem taxa de atualização de 120 Hz, algo já visto em celulares da Samsung e da Motorola. Renato Franzin, pesquisador da Escola Politécnica (Poli) da USP, explica a importância disso: experimente piscar os olhos em certo ritmo enquanto assiste à televisão. Agora, acelere as piscadelas e note como você acaba enxergando mais, já que os olhos permanecem abertos com mais frequência. “Quando você pisca mais rápido, você perde menos informação. E, ao jogar em 120 Hz, o usuário tem a oportunidade de ver o movimento gráfico reagindo com mais fluidez e dinamismo na tela”, explica.

Leia a matéria do Estadão na íntegra.