USP colabora com TSE para aumentar transparência nas eleições

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em cooperação técnica com a Escola Politécnica (Poli) da USP, está estudando a adoção de tecnologias para eleitores verificarem o voto após o período da eleição. O novo projeto, em desenvolvimento no Laboratório de Arquitetura e Redes de Computadores (Larc), propõe uma tecnologia que irá transformar o sistema atual em outro, com verificação pelo eleitor, por meio de uma impressão criptografada.

A parceria surgiu por meio do TSE ao laboratório da Poli, devido à procura do órgão eleitoral por parceiros para as tarefas de testes de sistema de segurança atual e de um novo sistema de votação das futuras eleições, “pela nossa experiência prévia não só de pesquisa e conhecimento na área de segurança da informação, mas sim e principalmente na capacidade de produzir inovação em cooperação com a indústria”, destaca o professor e coordenador do projeto de parceria, Wilson Ruggiero, do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Poli e do Larc.

Leia a matéria do Jornal da USP na íntegra.